quinta-feira, março 06, 2008

Finalmente

livre, em casa. Disponível apenas para a minha família, para a minha vida.
O Jorge até me disse ontem que eu estava mais feliz. E estou. Sem aquelas pressões e aquele ambiente que se tornou demasiado pesado. Para peso já me chega o da minha barriga. Não ando para aguentar o dos outros.
Tenho aproveitado o tempo para estar com ela. Na próxima semana tenho que me dedicar a ele, a preparar as coisinhas azuis, a minha mala. Ainda não está nada pronto. Sou uma mãe relaxada, talvez por ser segunda viagem.
E agora estava aqui a escrever e aolhar para ela, ali sentada no sofã, a brincar com o leitor de CD's novo. Tão grande, tão menina. Compramos um livro giro sobre a vinda de um irmão. Só quer esse, não se farta de ouvir a história. Diz que é o livro da Inês e do Rui. Inês menina, Rui bébé.
Por vezes penso um bocado no que será daqui a pouco mais de um mês. E assusto-me, feliz. Tudo se resolve, é o meu lema.

5 comentários:

Monica disse...

Vai ser um espectáculo, vais ver ;)
Aproveitas para "queimar os últiomos cartuchos" livre da pressão do trabalho e só com uma cá fora hehe) ;)
Beijocas

sorrisos da minha alma disse...

Aproveita ao máximo o tempo para preparares o enxoval e para dar mimos á princesa.
Joquinhas grandes

. disse...

Vim deixar-te beijos e mais beijos. Tento imaginar um menino parecido com a mana e só te digo: que pedaço ia ser. Ela é tão linda, tão invulgar! Tu dizes que a achas grande? Espera até o bebé nascer. Vai parecer que cresceu três metros. Manda-me o teu telelé para o luzdeestrelas@portugalmail.pt. Beijo. Luz

Grilinha disse...

Vai ser bom para todos poderes respirar , relaxar, concentrares-te em toda a ternura que te espera.

Um grande beijinho para todos

. disse...

Cm estás minha querida. Enviei-te sms mas deu não entregue. Está quase! É daqui a uma semana? Conta tudo! Bj. Luz