sábado, agosto 19, 2006

De partida

Mais logo, por volta das 23 horas, rumamos para outras terras.
À medida que a hora se aproxima também vão chegando alguns receios. Será que a pequena vai gostar, será que não falta nada, será que a viagem vai correr bem????. Claro que não podemos pensar em coisas más. É apenas aquele friozinho na barriga. Afinal é a primeira vez que vamos para "tão longe" com ela.
Para a semana já conto como correu. E vai correr bem!
Até lá: HASTA LA VISTA, BABY!!

sexta-feira, agosto 11, 2006

Férias

E cá estou eu no último, no derradeiro dia de trabalho.
Este dia parece-me mais bonito, com um céu fantástico, um calorzinho bom. Mas mesmo que estivesse a chover, a mim ia-me parecer um dia lindo.
Porque finalmente entrei de férias.
Sol, mar, calor aqui vou eu!

quarta-feira, agosto 09, 2006

Estou

no escritório que fica na parte de baixo da casa. O Jorge ficou lá em cima a tentar adormecer a piolha.
Ela já chorou, brincou, voltou a chorar... eu só pensava que o Jorge ia aparecer a qualquer minuto, quase desesperado porque a rapariga não queria dormir. Isso não aconteceu.
Agora a casa está em silêncio (isto após 1 hora da minha descida).
Quer-me parecer que pai e filha estão juntos e ambos a dormir.
Até amanhã!

Hoje

houve ida à praia com toda a família, menos com a mãe. É com grande alegria que coloco as lindas fotos que tiraram à pequena, mas com alguma tristeza pois também gostava de ter ido. Na próxima semana vai haver a desforra do tempo perdido...

Nas fotos estão: o pai, a madrinha, a avó e o avô (meus pais) e o padrinho.

Ao final da tarde, quando a reencontrei, ela estava feliz. Eu também fiquei.

 Posted by Picasa

segunda-feira, agosto 07, 2006

PRÉ-FÉRIAS

Apesar de ainda estar a trabalhar (e felizmente esta ser a última semana), o meu estado de espírito já está a meio gâs. Já está de férias, já está fechado... Já estou off.
Só me apetece fazer planos, listas, malas. Só penso em sol, praia, mar...
Ai que nunca mais chega a Sexta-feira...

quinta-feira, agosto 03, 2006

E depois

de uma ida ao "monte" para apanhar amoras, o resultado foi este:
Ainda por cima colhidas por nós!! Hum... Sim, eram óptimas.

terça-feira, agosto 01, 2006

Hoje

pela primeira vez a minha princesa disse MAMÃ mas sabendo exactamente o que estava a dizer e quem queria chamar.
Ela já diz meias palavras, e já diz papá, vóvó, pópó, bébé muito bem e sabe o que está a dizer.
O mamã saía tipo ma-ma-ma. Sem nexo. Par mim - sem piada. Quando o pai lhe dizia para chamar a mãe ela chamava - ó páaaaa!!
Hoje, estávamos à mesa para almoçar e ela tinha uma coisa no dedo e virou-se para mim e disse: MAMÃ, mostrando-me o dedo. Eu dei pulos, dei-lhe beijos, fiz uma careta ao Jorge de felicidade. Foi muito bom. É daqueles momentos que não tem explicação, que aos olhos de outras pessoas parecem momentos banais, mas aos olhos de uma mãe / pai são muito importantes e cheios de mistério.
Eu gostei muito.
Depois continuou a dizer mas já não era dirigido a mim. Esta rapariga tem mesmo piada e é do contra. Pelo menos deu-me uns minutos de alegria.